Notícias

Mercado de feijão carioca na zona cerealista, operou com os preços estáveis, apesar do volume excessivo.


 

Como já era esperado, o pregão desta quinta-feira (09) transcorreu sem mais novidades, tendo em vista a pouca presença de compradores e as ofertas que sobraram do dia anterior, algo em torno de 20 mil sacas do feijão carioca.

 

Apenas duas vendas foram registradas, o que representa uma sobra de aproximadamente 19 mil sacas para serem escoadas até o dia de amanhã.

 

Os compradores seguem despretensiosos e se limitam a observar a movimentação do mercado. Aqueles que mostraram interesse chegaram a lançar contra oferta, porém tiveram suas intenções rejeitadas pelos corretores.

 

Devido ao número de ofertas que ainda aguarda escoamento, e ainda a intenção de alguns compradores em se aventurar no mercado, é bem provável que o pós pregão de hoje tenha abertura para novos negociações.

 

Além disso, vale ressaltar que a ausência de compradores das cidades vizinhas deixa o cenário duvidoso, e, portanto, a pressão exercida sobre os corretores corre o risco de provocar certo recuo nos valores atuais.

 

No geral, apesar das poucas negociações o pregão encerrou com os preços estáveis, indicando que os corretores tentarão fechar negócios sem alterar os preços atuais.

 

Por outro lado, sabemos que o volume de ofertas a ser escoado deixa o mercado maleável e aberto a novas possibilidades de negócios, que por sinal, podem ocorrer logo mais no pós pregão.

 

Rose Almeida

Negócios & Mercado 


Notícias relacionadas

Municípios de SC afetados pela estiagem vão receber repasse

ALERTA DE TEMPORAIS NO RIO GRANDE DO SUL

Safra de feijão está praticamente plantada no Paraná

Nutrição de alta tecnologia minimiza estresse e garante alta produtividade no feijão

Produção brasileira de grãos deve chegar a 268,3m/t

Calor persiste no Sudeste nos próximos dias

Paraná deve produzir 24 milhões de toneladas na safra de Verão

Mais chuva no Sul

Com câmbio em alta, mercado de defensivos deve recuar 11% em 2020, diz Sindiveg

Área coberta com seguro rural já supera 10 milhões de hectares

Área coberta com seguro rural já supera 10 milhões de hectares

Conab lança nesta terça-feira ferramenta de acompanhamento do plantio e coleta de grãos

Conab lança nesta terça-feira ferramenta de acompanhamento do plantio e coleta de grãos

Epamig produz semente genética do feijão 'ouro vermelho' em Leopoldina

Pregão desta quarta (19) transcorre com poucas vendas, mas corretores continuam firmes e com preços em alta.

Pós pregão encerra mercado em calmaria e com perspectiva de surpresas para a próxima semana

O mercado segue paralisado e sem interesse por parte dos compradores em novas aquisições, tendo em vista que para este momento o abastecimento já foi realizado ao longo da semana.

Mercado de feijão carioca, abre em queda nesta quarta-feira, dia 05, na Zona Cerealista.

Pregão desta terça (04) registra calmaria nas vendas e compradores dando preferência ao feijão comercial

Pregão desta terça (04) registra calmaria nas vendas e compradores dando preferência ao feijão comercial