Notícias

Calor persiste no Sudeste nos próximos dias

A primeira semana de fevereiro ainda será marcada por calor intenso no Sudeste. As temperaturas deverão permanecer acima dos 30ºC na maioria das áreas da Região.



De forma geral, a expectativa é de que os próximos dias ainda sejam marcados por tempo firme nos estados do Rio De Janeiro e Espírito Santo. No entanto, a massa de ar seco que vinha persistindo sobre Minas Gerais deve perder força de forma gradativa - por isso, apesar das altas temperaturas, as condições para chuva devem voltar a aumentar no estado até o fim da semana. 


Em São Paulo, as condições do tempo pouco mudam em relação aos últimos dias. Pelo menos até a próxima sexta-feira (5), os dias serão marcados por muito sol, calor e pancadas de chuva rápidas e isoladas, bem típicas de verão. No entanto, não se pode descartar o risco de temporais.

 

Entenda por que o calor aumentou tanto no Sudeste do Brasil


Segunda-feira de calor intenso

A segunda-feira (1) ainda será marcada por temperaturas muito elevadas no Sudeste, e os termômetros ainda podem atingir os 38ºC na capital fluminense. O tempo deve continuar firme no estado fluminense e em grande parte de Minas Gerais, inclusive em Belo Horizonte.


No Espírito Santo e em São Paulo, algumas pancadas rápidas e isoladas podem ocorrer no período da tarde, mas sem risco de temporais. Na capital paulista, a tarde será quente, com máxima prevista de 31ºC.

 

 

Fonte:  https://www.climatempo.com.br/noticia/2021/01/31/calor-persiste-no-sudeste-nos-proximos-dias-7745?utm_source=pushnews&utm_medium=pushnotification

Crédito da imagem:  climatempo.com.br



Notícias relacionadas

Municípios de SC afetados pela estiagem vão receber repasse

ALERTA DE TEMPORAIS NO RIO GRANDE DO SUL

Safra de feijão está praticamente plantada no Paraná

Nutrição de alta tecnologia minimiza estresse e garante alta produtividade no feijão

Produção brasileira de grãos deve chegar a 268,3m/t

Paraná deve produzir 24 milhões de toneladas na safra de Verão

Mais chuva no Sul

Com câmbio em alta, mercado de defensivos deve recuar 11% em 2020, diz Sindiveg

Área coberta com seguro rural já supera 10 milhões de hectares

Área coberta com seguro rural já supera 10 milhões de hectares

Conab lança nesta terça-feira ferramenta de acompanhamento do plantio e coleta de grãos

Conab lança nesta terça-feira ferramenta de acompanhamento do plantio e coleta de grãos

Epamig produz semente genética do feijão 'ouro vermelho' em Leopoldina

Pregão desta quarta (19) transcorre com poucas vendas, mas corretores continuam firmes e com preços em alta.

Pós pregão encerra mercado em calmaria e com perspectiva de surpresas para a próxima semana

O mercado segue paralisado e sem interesse por parte dos compradores em novas aquisições, tendo em vista que para este momento o abastecimento já foi realizado ao longo da semana.

Mercado de feijão carioca, abre em queda nesta quarta-feira, dia 05, na Zona Cerealista.

Pregão desta terça (04) registra calmaria nas vendas e compradores dando preferência ao feijão comercial

Pregão desta terça (04) registra calmaria nas vendas e compradores dando preferência ao feijão comercial

Neste momento as ofertas que circulam na zona cerealista são apenas para embarque, com exceção das mercadorias do feijão extra, que somam aproximadamente 3 mil sacas.