COTAÇÕES DE PREÇOS E ANÁLISE DE MERCADO

Feijão carioca - preços em r$ - saca 60 kg - últimos 5 dias


Informativo 1 - Zona Cerealista

 

SP, 22 de outubro 2021

 

O pregão desta sexta-feira não registrou qualquer movimento de negociacao ou venda. Portanto, sem comprador não existe mercado, e foi assim que observamos o cenário.

 

Sem compradores interessados, a sobra de mercadorias chega a aproximadamente 3.500 sacas do feijão carioca. Nesse contexto de calmaria os corretores não se sentem estimulados para novas investidas, e consequentemente se mostram recuados.

 

Já no tocante à perspectiva para o pós-pregão, sabemos que sempre existe a possibilidade de uma ou outra negociação isolada. No entanto, os corretores sabem que para atrair comprador precisam mexer nos preços. É dai que surge o dilema, baixar o preço ou descarregar as ofertas.

 

Ainda sobre a madrugada, as poucas ofertas que desembarcam e o que está disponivel nas lavouras deixa os compradores tranquilos, pois sabem que surgindo a necessidade saberão onde buscar.

 

Mesmo diante de um mercado travado, o fato é que os corretores ainda conseguem movimentar o mínimo que seja. A estratégia tem sido trabalhar unicamente com o necessário para gerar concorrência.

 

Mas vale frisar ainda, que o mercado vem apontando um cenário de queda nos preços, puxado pela baixa demanda. Isso se aplica aos feijões de variedade carioca ou preto.

 

No geral, a semana encerra com os preços entre R$ 245,00 e R$ 285,00/sc.

 

Para a semana, observamos que a cada dia se torna ainda mais difícil arriscar previsões sobre como serão as vendas e os preços aplicados.

 

Rose Almeida

Negócios & Mercado