Notícias

O pregão desta segunda-feira (21) abriu as negociações em alta. A pequena oferta de aproximadamente 14 mil sacas do feijão carioca foi escoada quase na totalidade.

Ficou claro que diante da oferta de mercadorias extras, principalmente dos padrões 9,5 e 10, os compradores não tiveram a menor dúvida e já trataram de fechar imediatamente com valor de até R$ 250,00/sc.


 

O pregão desta segunda-feira (21) abriu as negociações em alta. A pequena oferta de aproximadamente 14 mil sacas do feijão carioca foi escoada quase na totalidade.

 

Ficou claro que diante da oferta de mercadorias extras, principalmente dos padrões 9,5 e 10, os compradores não tiveram a menor dúvida e já trataram de fechar imediatamente com valor de até R$ 250,00/sc.

 

Ainda sobre os preços e ofertas, podemos colocar que naturalmente os valores do feijão carioca - comercial no geral,  sofreram alterações. Com uma alta que variou entre R$ 10,00 e R$ 15,00/sc,  os compradores não tiveram oportunidade de pleitear melhores condições, uma vez que era visível a necessidade de abastecimento. 

 

A sobra que ficou em apenas 5.340 sacas, já desenhou um cenário de mercado ainda mais firme, tendo em vista que os compradores ainda precisam de abastecimento para cumprir a demanda de momento. Portanto, os próximos pregões devem mostrar uma postura mais firme dos corretores.

 

Outra informação importante sobre o mercado de hoje, se refere às vendas para embarque, principalmente para os padrões (8-8 / 8,5 / 9,0), comercializados com preço máximo de até R$ 225,00/sc, que seguiu dando continuidade. 

 

Já os padrões mais fracos (7-7), foram ofertados com novos valores, porém ainda não registraram vendas. Se considerarmos que estão para a modalidade de embarque, a probabilidade é de preços variando entre R$ 160,00 e R$ 170,00/sc.

 

Sendo assim, desde já se faz necessário um acompanhamento ao longo da semana, observando principalmente a evolução dos preços, que esta tendência deverá permanecer.


Notícias relacionadas

SAFRA DAS ÁGUAS. INICIA O SEGUNDO PLANTIO

NOTÍCIAS DO CAMPO

Nova estimativa da safra de grãos aponta aumento de 1,9%

A calmaria do mercado deu uma pequena reviravolta e já mostra um setor de vendas mais flexível para negociar.

Produção de 246 milhões de toneladas garante o recorde da safra de grãos

Conab prevê novo recorde para safra brasileira de grãos

Começa a colheita de feijão carioca no Sudoeste Paulista

*SAFRA DAS ÁGUAS PARANÁ 2019/2020*

Oeste da Bahia vai ganhar o 1° polo de irrigação do NE

AgroNordeste vai ajudar a reduzir as diferenças regionais

Oeste da Bahia vai ganhar o 1° polo de irrigação do NE

Safra das Águas - Sudoeste Paulista

O mercado foi firme até o fechamento do pregão de hoje. Mas neste momento segue susceptível de variação de acordo com a lei da oferta/demanda.

Produção de feijão vai crescer 487% na Bahia

O pós pregão de hoje, dia 09, não deu continuidade às vendas de forma satisfatória, pelo menos para o setor de vendas.

A semana encerra com ofertas reduzidas, preços estáveis e com poucas vendas realizadas, na zona cerealista

O último levantamento do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) indicou que ocorrerá um significativo aumento das ofertas do feijão carioca e outros, a partir de setembro.

Em julho, IBGE prevê alta de 5,8% na safra de 2019

Em julho, IBGE prevê alta de 5,8% na safra de 2019

Inoculantes trazem novas perspectivas para a cultura do feijão